quinta-feira, 8 de setembro de 2016

IRMÃ

Passei dia e meio com a minha irmã. Percebo agora como é delicioso termos irmãos, sobretudo como aqueles que eu tenho.
 
Jantámos, dormimos uma noite, fomos para a praia no dia seguinte e, principalmente, conversámos.
 
Foram desabafos atrás de desabafos, coisas da sua vida. Gosto de a ouvir. Ela precisa, compreendo as suas mágoas e tento ajudá-la. É o meu papel.
 
Estou disponível, por alguma razão e, já me basta saber (e fico feliz), que eu existo, nem que seja para ajudar aqueles que precisam de uma palavra de conforto ou de uma mão que os segure e puxe para cima Assim percebo como faz tanto sentido a minha actual vida.

5 comentários:

  1. Gostei da tua narrativa Carlos. Irmãos são seres escolhidos para nos acompanharem no nosso percurso e nos inspirarem amar o próximo com compaixão!!! Aproveita o mais possível este vosso encontro aqui no Planeta Terra e sintam a alegria das vossas almas! Um beijo grande. Bea

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Bea pelo comentário. O importante é ter irmãos que acima de tudo são amigos, o que às vezes não acontece.

      Excluir
    2. Obrigado Bea pelo comentário. O importante é ter irmãos que acima de tudo são amigos, o que às vezes não acontece.

      Excluir
  2. Papos com irmãos são muito bom sempre e quando dá temos que aproveitar! abraços, chica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ... com irmãos, com amigos, com quem saiba ouvir. Enem sempre é facil termos alguém que esteja disposto a oferecer—nos um ombro.

      Excluir