quinta-feira, 8 de setembro de 2016

IRMÃ

Passei dia e meio com a minha irmã. Percebo agora como é delicioso termos irmãos, sobretudo como aqueles que eu tenho.
 
Jantámos, dormimos uma noite, fomos para a praia no dia seguinte e, principalmente, conversámos.
 
Foram desabafos atrás de desabafos, coisas da sua vida. Gosto de a ouvir. Ela precisa, compreendo as suas mágoas e tento ajudá-la. É o meu papel.
 
Estou disponível, por alguma razão e, já me basta saber (e fico feliz), que eu existo, nem que seja para ajudar aqueles que precisam de uma palavra de conforto ou de uma mão que os segure e puxe para cima Assim percebo como faz tanto sentido a minha actual vida.

terça-feira, 6 de setembro de 2016

SEGUNDA

Não, não é segunda, mas terça-feira. Queria escrever diariamente, mas logo à segunda, caiu por terra a ideia. O cansaço no final do dia é muito e, deitado no maple, o sono sobrepõe-se e é mais forte que eu. Por outro lado, não me vai ser fácil escrever diariamente aqui face à minha agenda sempre muito preenchida....
 
Sim, fui para a praia, como planeara e, os banhos, a longa caminhada que prefiro fazer para ir para aquela praia naturista, tudo isso, para um "cota" como eu, já não é fácil ou pera doce.
 
Só então para dizer que estou vivo, que passei por uma "segunda" e estranha indigestão, mas foi uma forma de eu analisar porque é que isto me acontece e em que circunstâncias.
 
Como se sabe, não se deve ir a banhos com o estômago cheio. Não foi o meu caso, mas almocei bem demais, e bebi um "lambrusco" tinto que me soube muito bem. O "tinto" não me faz bem... não é o vinho... mas a verdade é que depois de "molhar os pés" foi o suficiente para ter que "falar com o gregório" para me recuperar.
 
Está tudo bem, até à próxima.

domingo, 4 de setembro de 2016

FIM-DE-SEMANA

Vou iniciar hoje uma nova etapa deste meu blogue. Sei que são poucos os que o procuram, mas o que me interessa é a qualidade em detrimento da quantidade de pessoas que o visitam.
 
O objectivo é criar uma rotina para mim, a rotina da escrita aqui. Por outro lado darei um pouco de vida, quer a mim quer a esta página.
 
Aquilo que vou escrever poderá ser apenas uma frase, uma ideia, um pensamento, ou uma foto. Será uma palavra, um grito, uma mensagem; será o que for.
 
Hoje refiro-me ao fim-de-semana e, quanto a isso, é só para dizer que os meus dias da semana são todos iguais hoje. A minha vida é maravilhosa por não ter que ir para o trabalho amanhã aturar patrões, chefes ou quem quer que seja e isto é óptimo.
 
Fiquem bem e... bom trabalho que amanhã eu tenho uma praia à minha espera.